Conheçam o Octa, última novidade da Positivo

Alguns meses atrás a Positivo anunciou que entraria de cabeça no mercado de smartphones do Brasil, trazendo aparelhos com uma configuração “OK” em um preço muito acessível. Na época, conversando com alguns amigos, achei que foi uma jogada bem interessante para estimular o mercado e dar aos consumidores “softcore” mais opções de compra. O que eu não esperava, e até confesso que me surpreendi um pouco, foi o anúncio realizado nesta terça-feira (24/Fev) de que agora entrariam no setor de aparelhos sofisticados. Será que a marca GOT WHAT IT TAKES para sobreviver? …Leia o post e se surpreenda! 🙂

Topo de linha, o Positivo Octa foi desenvolvido para os usuários mais informados, que buscam qualidade alinhado a um bom custo-benefício. Seu processador True Octa-core é um dos mais rápidos do mundo (sem brincadeira) e possui oito núcleos de processamento que podem trabalhar simultaneamente, ao contrário de outros processadores que reservam 04 para tarefas mais exigentes e 04 para tarefas secundárias.

A Positivo caprichou no design, trazendo bordas quadradas, vidro frontal e traseiro resistente a riscos, espessura de apenas 7,9mm e chega em três cores; preto, branco e dourado. Destaque também para o gerador de selfies, digo, para a câmera frontal de 5MP e a traseira de 13MP com flash. O interessante é interatividade com a câmera, permitindo que o usuário capture imagens por meio de gesto ou voz.

Positivo Octa

O Octa ainda vem com uma tela de 5 polegadas, sistema operacional Android 4.4 (KitKat) – com previsão de atualização para Android 5.0 (Lollipop) – ainda neste primeiro semestre, 1GB de RAM, armazenamento interno de 8 ou 16GB – expansível com cartão de micro SD de até 32GB, Wi-fi, Bluetooth 4.0 (quem usa isso ainda?), GPS e Dual SIM.

O preço sugerido é de R$ 899 e R$ 949 para a versão de 8GB e 16GB respectivamente.

O vice-presidente de Mobilidade da Positivo Informatica, Norberto Maraschin, completa:

Os consumidores de smartphones estão cada vez mais exigentes, especialmente porque veem o aparelho como uma extensão de seu corpo e o consideram indispensável para suas atividades rotineiras. No desenvolvimento do Positivo Octa, combinamos um desempenho espetacular – com um processador octa-core – a um design ultrafino e sofisticado. As câmeras atendem em cheio ao desejo dos usuários de registrarem seus momentos de lazer ou caso necessitem delas para trabalho ou estudo em qualquer hora do dia. O Octa foi muito bem-recebido pelos nossos parceiros comerciais, e estamos entusiasmados que a receptividade se repita nas lojas, também pelo custo-benefício do dispositivo: não há outro octa-core à venda no Brasil na faixa de R$ 800

Um mercado muito interessante é o setor mais próximo ao topo (mid-end / mid-high) da pirâmide dos smartphones, dominado por Galaxys, iPhones e Motos alguma coisa. O Positivo Octa tem boas specs e preço acessível, tudo para começar a assustar os concorrentes. Agora é ficar na torcida para que tudo dê certo (sempre bom torcer por empresas nacionais <3)

More from Guilherme Kyoji

Marum Crater: A janela pro inferno

Ok, eu sei que isso está estranho… O cara vai lá e...
Read More